Museu da Pessoa ganha prêmio de Festival de Curtas

 Museu da Pessoa ganha prêmio de Festival de Curtas

Festival & Prêmio Curta! Documentários selecionou documentário feito a partir do acervo do Museu

Em cerimônia realizada no Rio de Janeiro no último sábado (11/3), o Museu da Pessoa recebeu o anúncio de que o documentário “Pessoas – Contar para Viver”, é o ganhador da categoria Pensamento do Festival & Prêmio Curta! Documentários.

O filme, produzido pela Casa Redonda, é assinado por Marcelo Machado, Marco Del Fiol, Pedro Cezar, Tatiana Toffoli e Viviane Ferreira. Produzido em 2020, a obra é resultado da imersão de cinco cineastas convidados a mergulhar no acervo do Museu da Pessoa, composto de mais de 18 mil histórias de vida.

Os premiados receberam um total de mais de R$200 mil em prêmios oferecidos pelo Curta! e pelos parceiros Luz Rio e Quanta. A iniciativa celebrou os 10 anos de existência do canal – comemorados no último mês de novembro, quando seria a premiação, adiada por conta de um novo surto de Covid-19. Ao todo, foram 87 filmes e 59 séries concorrentes, somando mais de 700 conteúdos individuais, que ficaram em votação popular de 1º de outubro a 13 de novembro passados.

O público definiu os cinco finalistas de cada categoria que foram, então, submetidos ao julgamento do júri técnico, formado pelo psicanalista Christian Dunker, a psicanalista e crítica literária Fabiane Secches e o jornalista Miguel Conde. Para eles “o trabalho consegue captar anos de esforço e experiência do Museu da Pessoa não só com bons exemplos selecionados, mas por meio de soluções estéticas coerentes e sóbrias”.

 

Museu da Pessoa

O Museu da Pessoa é um museu virtual e colaborativo de histórias de vida aberto à participação de toda pessoa, que pode contar sua história, organizar suas próprias coleções e conhecer histórias de pessoas de todas idades, raças, credos e profissões do Brasil.

Fundado em 1991, o Museu da Pessoa acredita que contar, escutar, conhecer e preservar histórias de vida pode mudar seu jeito de ver o mundo. O acervo conta com mais de 20 mil histórias, 60 mil imagens e 5 mil vídeos.

O Museu da Pessoa trabalha para fazer das histórias de vida um antídoto contra a intolerância. Registra, preserva e compartilha histórias de vida e, através de sua tecnologia social de memória, fomenta, capacita e engaja pessoas e grupos.

0 Shares
Digiqole Ad

PBC

https://paraibacultural.com.br

Noticias Culturais e Ambientais da Paraíba

Conteúdo relacionado

Ativar notificações Sim Não
Which Notifications would you like to receive?